Arquivo por Tag: Microsoft

Configurando o Dropbox como Serviço

O aplicativo Dropbox é eficaz, e traz recursos de inicialização apenas quando logon de usuário, porém existem os casos onde instalamos em ambientes de servidores como o Windows Server 2008 ou 2003.

Para isso, é necessário transformar a aplicação em um serviço e com isso vamos aos requisitos:

Sistema operacional Windows Server 2008
Possuir o Windows Server 2003 Resource Kit instalado (Isso mesmo, 2003)

Instale o Drobox (www.dropbox.com)

dropbox_as_service

Depois de instalado, garanta que as preferências estejam desabilitadas:

Mostrar Notificação na Área de Trabalho(“Show desktop notifications”)

Iniciar Dropbox quando o sistema iniciar(“Start Dropbox on system startup”)

Feche o Dropbox clicando com o botão direito e fechar

Com o Windows Resource Kit instalado, digite exatamente o comando abaixo no executar:

C:\Program Files (x86)\Windows Resource Kits\Tools>instsrv Dropbox “c:\Program Files (x86)\Windows Resource Kits\Tools\srvany.exe”

Se tudo der certo, exibirá a seguinte mensagem:

O Serviço foi adicionado com sucesso!(The service was successfuly added!)

Agora, mude o usuário que executa o serviço do dropbox utilizando o próprio administrador,

nas propriedades do serviço Dropbox:

clique na aba logon, clique em esta conta, e selecione ou digite sua conta de administrador(administrator), clique em aplicar e ok.

Se for a primeira vez que está apropriando um serviço a conta de administrador, você receberá a seguinte mensagem:

O usuário administrador garantiu logon com privilégios no serviço(Administrator user has been granted log on as service rights).

No registro do Windows(Iniciar, Executar, Regedit), faça as seguintes alterações:

Navegue até HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Services\Dropbox
Dentro de Dropbox crie a seguinte chave “Parameters”

Adicione uma nova String Value “Application” do tipo REG_SZ e insira o caminho de onde fica o executável do dropbox.exe, no caso padrão seria “C:\Program Files (x86)\Dropbox\Client\dropbox.exe”.

Feche o editor de registro(regedit)

Vá até os serviços(services.msc) novamente e inicie o serviço, agora ele deve estar com o status de iniciado e trabalhando em background.

Caso seja necessário abrir o dropbox para fazer alterações pare o serviço antes, depois feche totalmente a aplicação e inicie o serviço novamente.

Para saber se o sincronismo está ocorrendo normalmente, basta logar no Dropbox.com e olhar as modificações ou inclusões de arquivos.

Planejamento de Infraestrutura com Ambiente Microsoft

Planejamento de Instalação

Pré Instalação

Objetivo:

O objetivo é gerir de forma prática e viável os usuários e suas condições no ambiente de rede utilizando o Sistema Operacional Windows Server 2012 – versão Enterprise sem limitações de recursos para que não haja problemas de implementação futura.

• Equipamento de hardware e tolerância a falhas

Produto da série E5-2400 utilizando processador INTEL XEON criado com base para data centers.
Possui expansão de recursos como memória para atender um eventual aumento de consumo.
Opção de discos até 4 unidades
2 soquetes de processador podendo expandir mais um objeto
Cache de 2,5 mb por núcleo – 6 núcleos no total
Alimentação com fonte redundante de 550W
Armazenamento do tipo SAS com discos de 72 gb em raid 0 + 1
Observação: Esse servidor apenas será objeto de gerenciamento de rede e não armazenamento de arquivos, para file Server e outros fins serão outros equipamentos e alguns possivelmente virtualizados.

• Necessidade dos usuários

Ter acesso ao servidor através da rede com participação em compartilhamentos criados pelos administradores
Níveis de acesso para utilizar somente o necessário de cada grupo ou usuário baseado em Active Directory com estratégia adotada AGDLP;
Participar em unidades organizacionais para melhor visualização e clareza no gerenciamento.

• Segurança

Determinar a casa grupo ou usuário sua forma de participação em servidores de arquivos
Restringir o acesso a recursos, pastas e arquivos
Utilizar das políticas de grupo para viabilizar e cuidar da segurança

• Sistema de Arquivos

O Sistema de Arquivos que usaremos no Windows Server 2012 será o ReFS(Resilient File System).

• Licenciamento

O tipo de licenciamento adotado será o de aquisição do Windows Server por volume, além das cals por usuário.

• Forma de Participação na Rede

O modo de participação dos usuários na rede será baseado no controlador de domínio, este chamado Active Directory recurso do Windows Server 2012.

planejamento_infraestrutura_TI

Pós Instalação

• Hardware

Verificar os drivers instalados, atualizar se necessário confirmar se estão assinados pela Microsoft (homologação).

• Opções de inicialização e recuperação

Certificar que as opções estão ajustadas e seguras para um melhor desempenho do equipamento e do sistema operacional.

• Análise

Utilizar um recurso nativo do sistema operacional como o caso do MSinfo32 para analisar os recursos e serviços.

• Tempo

Ajustar se necessário as opções de data, hora e idioma e conferir se vão ser compatíveis com aplicações e bancos de dados futuros se houver.

 

 

Comparativo TCO e ROI Windows x Linux

Microsoft Windows Linux
Código fonte: Código pertence à Microsoft e não disponível para mudanças; 

Licenciamento:

 

Valor de aquisição alto e cobrança por chamadas CAL dependendo da aplicação do sistema operacional;

Obrigação de uso apenas de licenças adquiridas;

 

 

Suporte do fabricante ao SO:

 

Facilidade de localizar suporte;

Investimento previsto em suporte, certificação e treinamento, de 1 trilhão de dólares para 2013;
Tempo de suporte ao usuário muito menor relativo a outros sistemas operacionais;

Número maior de informações disponíveis na internet;

Canais especializados da própria Microsoft para suporte em todo mundo;

 

Suporte ao Hardware:

 

Maior parte dos hardwares disponibiliza drivers de dispositivos para este sistema;

Maior homologação de drivers gerando confiança na utilização;

 

 

 

Mão de obra:

 

Quantidade superior aos outros sistemas, de profissionais no mercado;

Maior quantidade de profissionais certificados;

Gama de certificações ampla e abrangente;

 

 

Código fonte: Livre e totalmente liberado a mudanças; 

Licenciamento:

 

Não há necessidade de adquirir licenças, em algumas distribuições apenas o registro do mesmo;

Linux não tem custo de aquisição e nem de licenciamento;

 

Suporte do fabricante ao SO:

 

Suporte pago em algumas distribuições;

Crescente quantia de informações na internet;

Tempo de reparo superior ao Microsoft Windows;

 

 

 

 

 

 

 

Suporte ao Hardware:

 

Menor a quantidade de fabricantes que disponibilizam drivers;

Em alguns casos a necessidade de engenharia reversa;

Pouco interesse de fabricantes criarem drivers para Linux;

 

Mão de obra:

 

Possui  um preço maior em manutenção e operação;

Profissionais Linux ganham em média 25% a mais que profissionais Microsoft;

Profissionais certificados Linux ganham até 40% a mais que profissionais certificados Windows;

Conclusão

Comparando ambos observamos que o sistema operacional da Microsoft leva vantagem nos quesitos:

  • Tempo e habilidade de suporte (24×7) oferecido pelo fabricante
  • Mão de obra disponível no mercado
  • Qualidade e valor da mão de obra
  • Plataforma abrangente e compatível para instalação de Softwares como ERP
  • Tempo menor na recuperação de desastres

Os custos de licenciamento e atualização do Microsoft Windows se tornam atraentes e pouco significantes perto de tais quesitos.

Fim do Suporte do Windows XP

Windows_xp_logo

O Windows XP chegou às lojas em outubro de 2001 com interface renovada e empolgante, conquistou pessoas e profissionais de TI em todo mundo.

Contudo em 2008 deixou de ser comercializado e anunciado o fim de seu suporte para 2014, ano este em que estamos.

Em 8 de abril de 2014, o suporte para o Windows XP deixará de estar disponível, isto inclui atualizações automáticas e o download do antivírus Microsoft Security Essentials.

Um tanto preocupante devido a quantidade ainda existente de computadores utilizando essa versão do sistema operacional, sejam eles no segmento residencial ou comercial e até mesmo no mundo corporativo onde estão ingressados em gigantes florestas de domínio como dos bancos e instituições financeiras. Mas como tudo evolui era necessário a migração desde 2008, se os profissionais de TI não fizeram, procurem o responsável no departamento pelo gerenciamento de mudança.

Desativar o UAC no Windows 8 e Server 2012

Vou disponibilizar neste post, o download dos arquivos compactados que contém os comandos para ativar ou desativar o UAC, Controle de Contas de Usuário.

Não foram feitos testes em versões anteriores ao Windows 8 e Server 2012, mas é possível que funcione por se tratar de alteração de valores em registro.

O motivo de eu estar disponibilizando, é que em uma necessidade a desabilitar no Windows Server 2012 as alterações que eu fiz pelo painel de controle, Contas de Usuário não foram suficientes, e com esse recurso foi efetivo.

Link para download: http://www.lofrano.com.br/wp-content/uploads/2014/01/Ativar_Desativar_UAC.zip

uac_windows

Gerenciamento de ambiente de rede com Spiceworks

Com o crescimento dos dispositivos ligados a rede é comum termos que dar mais atenção a esse ambiente, com isso começamos a pensar no gerenciamento com ferramentas que atuam com precisão nas alterações constantes que a rede possui.

O Spiceworks possui diversos recursos que você precisa para simplificar o gerenciamento do seu ambiente de TI. Com uma amigável interface e uma ótima combinação de plugins que vão desde a personalização do service ou help-desk, até inventário de rede, relatórios, monitoramento e solução de problemas de infraestrutura.

A ferramenta é gratuita, e possui uma ampla comunidade de conhecimento onde os profissionais trocam experiências. Ele foi criado em 2006 e é mantido por fundos de capital ligados a entidades no Estados Unidos, atualmente o Spiceworks é desenvolvido com a ferramenta muito conhecida e que está crescendo muito chamada Ruby on Rails esta Open Source e com uma grande colaboração de desenvolvedores.

O Spiceworks está disponível para instalação do gerenciador na versão Microsoft Windows, porém detecta e gerencia os diversos dispositivos com Unix, Linux, Mac OS entre outros.

Imagem do Dashboard do Spiceworks:

spiceworks_dashboard

Spiceworks em 60 Segundos:

Microsoft Surface

Microsoft Surface pro 128 gb, foi um sucesso em seu primeiro dia de venda (09/02).
Esse tablet tem o custo inicial de oitocentos e noventa e nove dólares nos Estados Unidos e é vendido em lojas online e no próprio site da Microsoft, onde mesmo se esgotou em horas de venda após a liberação a meia noite. A empresa declarou que já esta preparado o estoque para reposição, e continuarão as versões 64 gb e 128 gb.
Já o sistema operacional é o Windows 8 Pro, crescente em dispositivos móveis com a versão RT. A diferença entre o Surface Pro e o Surface RT, é a arquitetura do processador. Como o Pro usa uma CPU Intel, os usuários podem rodar a versão completa do Windows, igual à desktops, bem como todos os softwares e aplicativos disponíveis para esta plataforma.
Um detalhe interessante é a caneta quem vem juntamente com o Surface para fazer desenhos e arrastar alguns objetos em determinados aplicativos.
Principais especificações:
Multi touch
Câmera Frontal
Tela de 10.6 polegadas full hd
Portas: Usb 3.0 – MicroSDXC card slot

Microsoft Surface pro 128 gb, foi um sucesso em seu primeiro dia de venda (09/02).

83231983a66b5dbb84c9cb28d2fca91dEsse tablet tem o custo inicial de oitocentos e noventa e nove dólares nos Estados Unidos e é vendido em lojas online e no próprio site da Microsoft, onde mesmo se esgotou em horas de venda após a liberação a meia noite. A empresa declarou que já esta preparado o estoque para reposição, e continuarão as versões 64 gb e 128 gb.

Já o sistema operacional é o Windows 8 Pro, crescente em dispositivos móveis com a versão RT. A diferença entre o Surface Pro e o Surface RT, é a arquitetura do processador. Como o Pro usa uma CPU Intel, os usuários podem rodar a versão completa do Windows, igual à desktops, bem como todos os softwares disponíveis para esta plataforma.

Um detalhe interessante é a caneta quem vem juntamente com o Surface para fazer desenhos e arrastar alguns objetos em determinados aplicativos.

Principais especificações:

Multi touch

Câmera Frontal

Tela de 10.6 polegadas full hd

Portas: Usb 3.0 – MicroSDXC card

Microsoft declara o fim do messenger

Msn ou Live Messenger chame como preferir pois já teve os 2 nomes, este mensageiro tão utilizado nos últimos 12 anos está com os dias contados e seu fim está programado pela Microsoft no dia 15 de março de 2013.

Iniciado em 2001 para concorrer e superar o forte mensageiro da época chamado de ICQ criado pela Mirabilis, o msn tomou  proporções gigantescas e virou febre entre os internautas para se comunicar instantaneamente.

Em 2011 a Microsoft já tinha planos para mudanças no Messenger por enfrentar forte concorrência com o famoso e muitas vezes aliado Facebook, que teve forte migração para seu serviço de mensagens integrado a seus serviços.

De olho nesses fatores, a Microsoft comprou o Skype por U$ 8,5 bilhões de dólares e já dispara a integração do Messenger ao aplicativo do Skype e até mesmo do Facebook.

No atual sistema operacional Windows 8 já é possível integrar até mesmo serviços do Google e Linkedin utilizando apps preparados para esta plataforma, um deles já vem nativo a interface metro chamado de Pessoas ou People.

Investimentos em Publicidade no novo Windows Phone 7

O sistema operacional Windows Phone 7 para aparelhos portateis como celulares, tablets, smartphones receberá investimento de US$ 400 milhões de dólares em publicidade.

A Microsoft está batendo forte para competir com seus aliados, Symbian, Android entre outros. Os fabricantes já confirmados que vão utilizar o Windows Phone 7 são HTC, LG e Samsung.

Get Adobe Flash player
Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookCheck Our Feed