Go to the top

Em meados do mês de janeiro, o mundo comemorou o Dia Internacional da Privacidade e da Proteção de Dados. Com a digitalização de quase tudo o que nos rodeia, tornar nossos dados seguros é vital.

Para as empresas, isso não é diferente. De acordo com a Internacional Data Corporation, a previsão é de que até 2025 sejam criados no planeta 175 zettabytes de dados por ano.

Nuvem (Cloud Computing)

Em uma era onde a busca por espaço de backup e recuperação de dados caminhava a passos lentos, eis que surgiu ela: a nuvem, e juntamente um mundo cheio de oportunidades.

Os sistemas legados (aparelhos antigos que ainda fornecem serviços de negócio essenciais) eram parecidos com um cofre, no entanto, com a cloud computing tudo no cofre tem uma finalidade produtiva e é copiado em outro lugar.

Mas, como as empresas podem proteger seus dados, que agora são armazenados em novos ambientes complexos com várias nuvens?

É fundamental que as organizações tenham uma solução que ofereça backup e recuperação de nível corporativo para esse novo gênero de aplicações baseadas em nuvem. Além disso, é preciso que haja rápido desempenho e simplicidade de consumo.

Segurança

Proteção de dados e aplicações, armazenamento flexível e recuperação de desastre confiável são algumas das vantagens do uso do backup em nuvem.

Este serviço realiza um backup dos dados e aplicativos nos servidores da empresa, cujo conteúdo é armazenado em um servidor remoto. Com isso, os arquivos e dados ficam disponíveis rapidamente caso haja algum problema no sistema ou aconteça um desastre natural.

É possível por meio do backup em nuvem, o armazenamento de alguns ou de todos os arquivos do servidor, conforme o que for solicitado pelo empreendedor.

Esta é uma das alternativas seguras para várias organizações, já que grande parte delas mantém a maioria de seus dados e aplicativos primordiais em servidores locais (on premise).

Criminosos cibernéticos

Os dados das empresas aumentaram e com isso, os ataques também são ainda maiores. De uma hora para outra, o acesso de dados pode ser comprometido, seja por falhas do sistema, cibercrimes ou até mesmo por falta de energia.

Mas, falando em cibercrimes, saiba que seu aumento se deve ao crescente volume de dados preciosos armazenados digitalmente. Empresas de todos os setores são atacadas tornando-se quase que uma epidemia.

Só para ter uma noção, grandes empresas também passam por essas invasões. Em 2018, algumas delas foram: Ticketmaster, British Airways e Carphone Warehouse.

Deu para compreender que, segundo dados da atualidade do crime cibernético, não basta só evitar os ataques?

Agora, é imprescindível que os empresários invistam em sistemas validados que possam ser autenticados de forma fácil e ágil, sem que exista necessidade de pagar um resgate e que a organização possa retornar aos negócios o mais rápido possível. Esteja um passo à frente.

Então lembre-se: não importa o tamanho do seu negócio, é necessário investir de forma inteligente nos níveis adequados de proteção de dados, para que sua empresa continue operando, caso o inesperado aconteça.

Comentários

Comentários

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.