Go to the top

Análise de desempenho baseada em tecnologia vestível

LoFrano / Blog, Tecnologias Emergentes / 0 Comments

Ela está em praticamente todas as áreas da nossa vida. A tecnologia já não nos deixa mais imaginar como seria a vida desconectado e a cada dia, surgem novos aplicativos que facilitam desde a comunicação entre pessoas, até tarefas cotidianas.

Há grandes projeções de crescimento em diferentes áreas da tecnologia, mas entre as tendências está a tecnologia vestível, também conhecida como wearables, que contempla roupas e acessórios “inteligentes”.

Super conectados

Estes itens wearables muitas vezes estão ligados em rede com outros equipamentos, ou simplesmente ligados à internet mandando dados para softwares que trabalham em nuvem e entregam informações para os usuários.

No mundo dos esportes, a intenção é estimular o desempenho dos atletas e em outras áreas, o objetivo é potencializar a capacidade humana na realização de diferentes tarefas.

Há poucos anos, a realização de uma coleta de dados de desempenho de atletas era uma atividade bem trabalhosa, feita por cientistas esportivos e treinadores, que passavam horas compilando informações de sessões de treinamento e jogos. Agora, fazer essa análise baseada na tecnologia é outra história.

Durante um dia de treinamento os atletas podem fazer uso de dispositivos ou coletes que tenham recursos como o rastreamento através de GPS para registrar a distância e a velocidade em que correm ou o impacto do treinamento em seu corpo.

A STATSports na Irlanda do Norte é uma empresa líder na indústria de análise de desempenho, cuja tecnologia é utilizada em vários dos times da English Premier League (EPL).

Em 2020, a empresa lançou o software Sonra 3.0 que possibilita o acesso à dados quase que instantaneamente através de um iPad ou Apple (AAPL) Watch. Isso pode ser feio até mesmo durante uma competição, tornando possível aos treinadores a obtenção um feedback sobre o que está acontecendo e utilizar destas informações para ajustar as táticas no meio da disputa.

Melhor desempenho

A novidade no mundo dos esportes chamou atenção dos treinadores e também dos jogadores, afinal, é interessante conferir seu próprio desempenho e avaliar estatísticas após uma partida. Atletas sempre são competitivos e muitas vezes, utilizam deste recurso para melhorar ainda mais sua performance.

Além disso, a STATSports auxiliou algumas equipes durante a preparação para os jogos em meio à pandemia da Covid-19. A liga estava suspensa e foi possível colher informações sobre a proximidade dos jogadores durante os treinos. Esses dados mostravam por exemplo, quanto tempo duravam as sessões de treinamento e também a distância mínima recomendada pela política de distanciamento social, tudo apresentado posteriormente ao governo como parte de seus esforços para reiniciar a liga.

Bom retorno

Há quem duvide, mas de acordo com uma pesquisa feita pela Grand View Research, uma empresa de consultoria e pesquisa de mercado, a indústria de análise de esportes pode valer US $ 4,6 bilhões em 2025 com a tecnologia começando a chegar ao nível amador.

Já imaginou? Reunir os amigos depois da pandemia para uma partida de futebol aos domingos e, além da autoavaliação, conseguir comparar seu desempenho aos profissionais de elite? Prepare-se e fique atento às novidades relacionadas aos wearables, pois essa pode ser uma nova onda de avanços tecnológicos.



Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.