Go to the top

Setor automobilístico inova com realidade aumentada

LoFrano / Blog, Futuro, Indústria 4.0, Tecnologias Emergentes, Transformação Digital / 0 Comments

A Ford Motor Company, fabricante de automóveis multinacional, anunciou que será a primeira montadora da América Latina a empregar a tecnologia de realidade aumentada nas oficinas.

Segundo especialistas da empresa a novidade contará com assistência remota e também haverá o esclarecimento de dúvidas a respeito de solução de problemas técnicos complexos dos veículos e diagnósticos.

Formato de trabalho

O esquema será mais ou menos assim: o mecânico da concessionária entrará em contato com a central de atendimento da montadora e posteriormente irá colocar um óculos especial. Com a nova tecnologia, o engenheiro acompanhará na tela do computador exatamente o que o técnico está vendo e então, poderá ajudar na solução do problema. Além disso, o sistema também incluirá soluções gráficas para facilitar a transmissão de instruções.

Realidade aumentada

Um dos benefícios trazidos por essa tecnologia disruptiva na indústria é a redução significativa de tempo de diagnóstico e do carro parado na oficina. Joaquim Arruda Pereira, diretor de Serviço ao Cliente da Ford da América do Sul, afirma que a modernização aumentará a produtividade e a capacidade de atendimento das oficinas, além de apresentar uma experiência melhor para os clientes.

No começo do ano a Ford também utilizou uma ferramenta nova de realidade virtual que foi chamada de Gravity Sketch. Ela permite a realização da projeção de carros através de gestor, de modo que o suporte tenha rastreadores de movimentos e óculos especiais sem a necessidade de iniciar o projeto em papel.

Iniciativa

Estas iniciativas da Ford são apenas alguns exemplos de pesquisas de tecnologias para criar soluções inovadoras com foco no consumidor e no caso da realidade aumentada, o projeto será iniciado ainda em 2019 em concessionárias de dez regiões diferentes do Brasil, com previsão para estar implementado em toda rede no ano que vem.

No entanto, a Ford não é a única empresa a investir nesta evolução. A Renault do Brasil também já está inserida no contexto da indústria 4.0 e coleciona exemplos de que a admissão de inovações no processo produtivo de carros, veículos comerciais leves e motores é uma extraordinária aliada na redução de custos, produtividade, capacitação de colaboradores e na qualidade do produto final.

Transformação Digital

Este é mais um passo da transformação digital no setor automotivo brasileiro, no entanto, essa caminhada teve início com a injeção eletrônica no final dos anos 80, e segue até os dias atuais.

Comentários

Comentários

Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.