Go to the top

Faturamento médio de e-commerce do Botafogo cresce 450% em seis meses

LoFrano / Blog, e-commerce, Empreendedorismo / 0 Comments

O Botafogo tem comemorado os números positivos e a aquisição de novas receitas em outras áreas. Uma das maiores comemorações do clube carioca foi a atingida nos primeiros seis meses pelo e-commerce do Alvinegro.

O projeto foi realizado em parceria com a FutFanatics, empresa líder no segmento, e o clube carioca atingiu o montante de R$3,2 milhões, valor que representa o mesmo faturamento obtido pelo clube durante os anos de 2017, 2018 e 2019. Se comparado ao e-commerce anterior, o faturamento médio teve um crescimento de 450%.

O clube caminha na transição do departamento de futebol para SAF, que terá 90% das ações compradas pelo empresário norte-americano John Textor. Para quem ainda não se familiarizou com a nova sigla do mundo do futebol, SAF significa Sociedade Anônima do Futebol, que nada mais é do que a forma jurídica de constituição de empresa específica para transformar clubes em empresas.

Em outras palavras, os times que se interessarem em deixar o modelo associativo (aquele em que há presidente, vices e dirigentes políticos), terão vantagens tributárias e de mercado para se tornarem clube-empresa através da SAF.

Retorno expressivo

Os bons ventos trazidos para o clube, segundo Lênin Franco, diretor de negócios do Botafogo, são frutos de uma combinação de fatores, que incluem marketing e do título da Série B do Campeonato Brasileiro.

“Nós aumentamos o número de produtos licenciados, lançamos duas novas camisas e realizamos inúmeras ações de marketing nas redes sociais. O conjunto desses elementos, impulsionados pela campanha do título, fizeram com que o retorno fosse tão expressivo. Em 2022, iremos manter a estrutura, com diversas novidades, produtos e campanhas de divulgação. O nosso objetivo é atrair a atenção do torcedor e tornar o e-commerce do clube cada vez mais forte”, explica Franco.

O Clube

A loja do Botafogo tem promovido ações especiais em datas comemorativas e feito ativações junto à torcida, além da venda de produtos. Em agosto do ano passado, por exemplo, o clube estava próximo de comemorar 117 anos, e foi lançado, juntamente à Kappa, o uniforme número 4, na cor azul celeste, onde o marketing apostou em uma declaração de amor ao Rio de Janeiro que repercutiu nas redes sociais ao colocar o clube como “patrimônio da cidade mais bonita do mundo”.

Outros clubes brasileiros também estão entrando nessa de SAF, como por exemplo, o Cruzeiro, e o Vasco, que vem sendo sondado por empresas de investimento.



Faça um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.