Go to the top

Simplificando o Gerenciamento de Projetos

Lofrano / Administração, Blog, Gerenciamento de Projetos, Gestão em TI, Processos / 0 Comments

Gerenciamento de projetos: a solução fundamentada em estratégias eficazes

Você sabia que para construir ou melhorar algo dentro de uma organização, é necessário ter uma boa gestão de projetos?

É por meio deste trabalho, que a rotina e agilidade do dia a dia acontecem. Além disso, ele também pode aumentar o potencial de sucesso dos processos.

Mas, o que é um Projeto?

Nem tão fácil e nem complicado, o mais importante é requer atenção as tarefas! Um projeto é um empenho distinto e temporário de qualquer outra atividade repetitiva, ou seja, trata-se de uma iniciativa com efeito exclusivo a ser alcançado dentro de um prazo instituído.

Quando se pensa em um projeto, é preciso mentalizar um objetivo claro, que precisará levar um tempo determinado, além de contar com um conjunto de recursos (financeiros, materiais e humano) que devem ser otimizados para obter as metas determinadas. Sendo assim, fica claro: não devem existir projetos cuja duração seja indefinida ou que contem com recursos ilimitados para então, atingir os resultados esperados.

Fases

A divisão da Gestão do Projeto é dividida em algumas fases: início, organização e preparação, execução do trabalho do projeto e encerramento.

Só por meio desta estrutura é possível que haja o controle segmentado em subclasses lógicas para facilitar o planejamento, gerenciamento e também o controle.

Projeto x Processo

Entre o projeto e o processo, há diferenças sim! No projeto, estão em evidência as seguintes características: ele é temporário, gera um resultado único e é elaborado de forma progressiva.

Já o processo, é um trabalho consecutivo, que lança resultados padronizados e é conhecido por ser fortemente definido, contínuo e gera resultados padronizados.

Só para exemplificar: imagine só o lançamento de uma moto, em uma determinada data, tudo o que acontece para o lançamento desta moto, design, criação de linha de montagem, campanha de marketing para divulgar o novo produto para o público, deve estar estruturado em um projeto, e trata-se de um produto único com uma data de término.

Depois disso, a produção desta nova motocicleta torna-se um processo, que será repetitivo, e por isso, não será mais aplicável o conceito de projeto.

Gestão de Projetos

Quando utilizamos o termo “gerenciamento”, tendemos a remeter à chefia e à liderança, mas não é bem por ai. Não é só o gestor sair atribuindo atividades, metas e cobrando resultados.

O gerenciamento de projetos se baseia em aplicar habilidades, conhecimentos, técnicas e ferramentas às atividades do projeto para atender aos seus requisitos.

Mas, para que serve o gerenciamento de projetos?

Ele serve para que o projeto seja finalizado com sucesso, o resultado final deve ser suficiente em relação ao prazo aos custos determinados. Além disso, vale ressaltar que o conceito de sucesso de um projeto ultrapassa o atendimento a restrições de tempo, intuito e custo. Ele também considera o contentamento do cliente com o resultado entregue.

Isso mostra que cada vez mais, as empresas devem considerar que não é possível basear suas gestões em práticas intuitivas. Faz-se necessário apostar no gerenciamento de projetos, como uma solução fundamentada em estratégias mais eficazes.

Conheça os principais métodos de gerenciamento de projetos

1. PMBOK
2. Scrum
3. Gestão da qualidade
4. PRINCE 2
5. IPMA
6. Project Model Canvas

Comentários

Comentários

Faça um comentário